Nossa Missão

A Reserva Ecológica de Guapiaçu (REGUA) é uma Organização Não Governamental (ONG) ambientalista com a missão de proteger e conservar em longo prazo a Mata Atlantica e sua biodiversidade na alta bacia do Rio Guapiaçu do Estado do Rio de Janeiro, Brasil.

Este objetivo da REGUA se leva a cabo através dos seguintes programas institucionais estritamente limitados a sua área especifica de atuação:

  • Proteção  das florestas  e sua biodiversidade mediante o estabelecimento de uma reserva natural particular com a aquisição de terras e promulgação de parcerias, a coibição de  atos ilícitos e a redução das ameaças contra a natureza tais como a caça ilegal ou a remoção de produtos florestais, usando um quadro permanente de pessoal e colaboradores. A averbação de áreas da REGUA como RPPN será levada a cabo sempre que apropriado;
  • Integração da proteção das florestas e sua biodiversidade com as carências e desejos das comunidades locais, promovendo a geração de empregos e um amplo programa de extensão local, especialmente na área educacional;
  • Educação ambiental, oferecendo um programa de sensibilização para os residentes na região mostrando a importância deste grande remanescente florestal.
  • Restauração das florestas e habitats alagados em terras previamente desmatadas, abandonadas ou degradadas, plantando espécies de arvores nativas oriundas de sementes locais  e reintroduzindo espécies da fauna extintas localmente de forma apropriada.
  • Fomentar a Pesquisa;  mediante a criação de um inventario detalhado da fauna e flora locais, encorajando e oferecendo oportunidades aos pesquisadores e alunos de universidades nacionais ou estrangeiras, publicas ou particulares em troca de dados e informações que ajudem a uma melhor compreensão da distribuição das espécies, comportamento e requisitos ecológicos visando o manejo da área, monitoramento e avaliação do sucesso das atividades de conservação da REGUA. Todos os resultados de Pesquisa deverão ser amplamente disponibilizados ao publico.
  • Promover a Visitação  pelo publico em geral para que este possa conhecer e apoiar o projeto, assegurando assim a sua sustentabilidade e viabilidade financeira em longo prazo, se tornando em uma vitrine exemplar onde outros esforços de proteção e conservação no Bioma da Mata Atlantica possam se espelhar e  encorajar.