Category Archives: Ephemeroptera

Descobrindo as Efeméridas da REGUA

Isso mesmo ! – Estes insetos (INSECTA: Ephemeroptera) pouco conhecidos do grande público são essencialmente aquáticos, pois sua vida decorre majoritariamente na fase de ninfa aquática, sendo os adultos de vida muito curta, característica essa que lhes conferiu o nome pelo qual são popularmente conhecidos: efeméridas.

Buscando as ninfas em um rio local …

 Esta ordem é parte de um antigo grupo de insetos chamado de Palaeoptera, que também inclui as libélulas. Estão presentes no mundo todo – exceto na Antártida – e possuem uma diversidade de cerca de 3000 espécies, distribuídas em mais de 400 gêneros e 42 famílias.  As ninfas da ordem Ephemeroptera são componentes importantes da comunidade da maioria dos ecossistemas de água doce, podendo ser encontradas em grande variedade de hábitats onde sao importantes componentes biológicos, não somente por sua abundância, mas também pelo papel que cumprem na cadeia trófica dos ecossistemas aquáticos. São fundamentais para a ciclagem de nutrientes e constituem fonte de alimento para peixes, aves e invertebrados. Em alguns riachos elas podem representar a maior biomassa de todos os grupos presentes na comunidade. Além disso, podem ser utilizados como indicadores das perturbações antropogênicas que afetam os ambientes aquáticos, sendo estes insetos um dos principais indicadores de qualidade da água. O adulto vive menos de 24 horas e seu único objetivo é encontrar parceiros ou parceiras antes de morrer. Os adultos de muitas espécies de efeméridas nem sequer têm peças bucais e o sistema digestivo, ao invés de processar e digerir alimento, é preenchido por ar e auxiliam os alados a voar.

Armadilha luminosa para captura de adultos

  Em função da intolerância de muitas espécies de efêmeras a perturbações ambientais antropogênicas, estudos têm sido realizados para comprovar o papel destes insetos como um dos principais indicadores de qualidade da água. No entanto, a carência de estudos faunísticos e biológicos têm dificultado que trabalhos de biomonitoramento sejam realizados com sucesso. Considerando esses aspectos, torna-se clara a necessidade de se valorizar e ampliar pesquisas relacionadas ao conhecimento dos Ephemeroptera do Brasil, principalmente naqueles ecossistemas ameaçados como os de Mata Atlântica.

Com estes objetivos em mente, os pesquisadores Dr. Frederico Salles (Universidade Federal de Viçosa – MG) e César Francischetti (Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro-RJ) propuseram a realização do presente projeto visando complementar estudos anteriores desenvolvidos sobre a fauna de macroinvertebrados aquáticos na REGUA.

Como resultado espera-se a realização de descrições e redescrições de espécies, quando pertinente, a ampliação dos registros de ocorrência e a melhoria do conhecimento sobre os aspectos biológicos das espécies encontradas. Os OBJETIVOS visados são:

  1. Estudar a fauna de Ephemeroptera da Reserva Ecológica de Guapiaçu, Cachoeiras de Macacu, RJ;
  2. aportar informações inéditas sobre a biologia das espécies de Ephemeroptera presentes na região visada;
  3. conhecer a distribuição espacial das espécies por meso-hábitats;
  4. prover novos registros de táxons, gêneros e/ou espécies, estendendo o conhecimento a respeito de suas distribuições
  5. produzir uma lista detalhada da fauna com as informações geradas.

O material obtido sob Licença Permanente do SISBIO n. 12777-1 de 11/09/2007 será depositado na coleção de Ephemeroptera do Museu Regional de Entomologia da UFV, MG.

Para mais informações sobre Ephemeroptera do Brasil consulte:

http://ephemeroptera.com.br

http://insetosaquaticos.com.br